Pesquisar este blog

12 setembro 2008

Doze da Kênnya

Uma ou outra pessoa pode observar que, nestas duas semanas de setembro, este blog está parecendo uma agenda de aniversários. Pode até ser verdade. Que culpa tenho se algumas pessoas, incluindo eu, nasceram neste mês bom e santo? Que culpa tenho se há virginianos por perto? Por isso, estão justificadas as homenagens. Segue mais uma.

Hoje celebro com vocês o aniversário de Kênnya Monassa, moça amapaense-paraense. Amiga que conheci em Macapá, nos anos 80 do século 20. Nosso encontro foi na escola de música Walkiria Lima. Primeiro, Kênnya era uma criança muito inteligente e atenciosa. Passou o tempo, ela cresceu e virou uma mulher genial, de grandes e belas atitudes.

Nosso último encontro face to face já é coisa do passado. Creio que foi em 1994, em Belém. No ano de 2004, fui em Macapá. Quis encontrar minha amiga. Mas foi difícil. Então, a conversa teve que ser telefônica. A função de chefe de um escritório de advocacia não permite que minha amiga tenha um tempo livre como os demais mortais.

No mês passado, aderimos às conversas no msn. Apesar da distãncia física, o papo não perdeu atualidade e profundidade. Com o passar do tempo, percebo que as boas amizades que construí não desapareceram. Só ficaram de pé as pessoas boas (como Kênnya) e as situações boas (como nossa amizade). Poderia ficar escrevendo muitas coisas sobre ela. Mas seria coisa redundante. Basta citar que ela é genial, que sinto orgulhoso de ser seu amigo, que a questão pode ser dada como encerrada.
Além dela, cito outras pessoas nascidas neste dia. Lá vai:

1494 - Rei Francisco I de França (m. 1547).
1831 - Álvares de Azevedo, escritor brasileiro (m. 1852).
1880 - H. L. Mencken, jornalista e crítico social norte-americano (m. 1956).
1888 - Maurice Chevalier, ator e cantor francês (m. 1972)
1893 - Frederick William Franz, religioso estadunidense (m. 1992).
1894 - Vicente Celestino, cantor brasileiro (m. 1968).
1897 - Irène Joliot-Curie, física francesa, filha de Pierre e Marie Curie (m. 1956).
1902 - Juscelino Kubitschek, político brasileiro (m. 1976).
1913 - Jesse Owens, atleta e líder civil estadunidense (m. 1980).
1921 - Stanisław Lem, escritor polonês, (m. 2006).
1924 - Amílcar Cabral, um dos fundadores do PAIGC (m. 1973).
1927 - Alceu de Deus Collares - ex-prefeito de Porto Alegre (1986-1988) e ex-governador do Rio Grande do Sul (1991-1994).
1931 - Ian Holm, ator britânico.
1935 - Geraldo Vandré, músico brasileiro.
1939 - Joana Fomm, atriz brasileira
1944 - Barry White, cantor norte-americano (m. 2003).
Leci Brandão, sambista, cantora brasileira.
1952 - Neil Peart, baterista canadense.
1953 - Tânia Alves, atriz e cantora brasileira.
1957 - Hans Zimmer, compositor.
Rachel Ward, atriz.
1959 - Roberto Luiz Warken, sociólogo, educador e ativista GLBT brasileiro.
1961 - Mylène Farmer, cantora francesa.
1962 - Paulo Portas, jornalista e político Portugal.
1966 - Malu Mader, atriz brasileira.
1971 - Younes El Aynaoui, tenista marroquino.
1973 - Paul Walker, ator norte-americano.
1974 - Nuno Valente, futebolista português.
1986 - Emmanuelle Rossum, atriz norte-americana.
1989 - Elyse Hopfner-Hibbs, ginasta canadense.

Para finalizar esta homenagem, posto um vídeo clipe da banda inglesa Human League, sucesso da new wave inglesa, dos anos 80. A canção diz muito à alma de Kênnya. Feliz aniversário! Alegrias e bençãos eternas!!!!

Harold

Human League- Together in eletric dreams


8 comentários:

kennya monassa disse...

meu amigo,
foi a melhor homenagem que alguem poderia ter feito pra mim...até chorei de emoçao...
obrigada de coraçao...
SUper-beijo...

Ivan Daniel disse...

Muito legal essas homenagens, Harold. Também já fui alvo de uma e fiquei muito feliz e agradecido.
Parabéns pra Kennya.
Valeu, Alemão!
Segue fazendo o bem.

Harold disse...

Oi Kênnya!
A homenagem tem muito valor por ser justa. Sem dúvida, você é merecedora de muitas festas.
Feliz aniversário sempre!!!!
Beijos!!!

Harold disse...

Salve Daniel!
Suas palavras são sábias. Lembro que a primeira destas homenagens aconteceu no dia 31 do seu mês. Isso é muito importante.
Só lamento que, naquele período, eu, ainda, não sabia como postar vídeos clipes. Se soubesse, teria botado uma Plebe Rude em sua honra.
Saudações enzísticas

Anônimo disse...

Caro amigo Aroldo comovai!
Olegal de tudo isso que você esta sempre inovando e homenageando seus amigos e amigas grande abraço .
Celso.

Harold disse...

Salve Celso!
Há uma grande verdade nas homenagens que faço: elas são feitas só para as pessoas que merecem.
Um abraço!!!

Paola Vannucci disse...

Aroldo


gosto de vir aqui pq vc compartilha do mais belo das pessoas

fiquei feliz

rs

Harold disse...

Fico grato por seu elogio Paola.
Graças a Deus, sou um homem que construiu boas amizades.
Obrigado por ter vindo aqui.
Beijos!!!