Pesquisar este blog

23 dezembro 2010

Boas Festas

O natal está chegando. E eu me preparo para ir ao encontro da família na Amazônia. Se a greve dos trabalhadores dos aeroporto permitir, é lógico. Mas o pensamento tem de ser positivo. As coisas haverão de ser bem encaminhadas. Tenho essa fé.

Como é praxe, todos desejam festas maravilhosas e anos novos promissores. Faço coro aos que dedicam tão belos votos à humanidade. Que 2010 traga as coisas necessárias para cada homem, cada mulher comprometidos com causas nobres.

A inspiração começa a faltar. E o texto vai ficando redundante. Então é bom finalizar o discurso e lhes oferecer um belo presente. Todavia, terei de ser sincero: o presente que segue postado não é uma idéia minha.

A equipe do Fantástico, programa dominical da Globo, pediu à banda mineira Pato Fú, que criasse um novo arranjo para Boas Festas, canção composta por Assis Valente, e clássico do natal brasileiro.

A banda, da qual faz parte a cantora nipo-amapaense Fernanda Takai, topou a tarefa. Pegou os instrumentos, ou melhor, os brinquedos, e fez uma divertida versão da música. Além de Fernanda, John Ulhôa (guitarra), Ricardo Koctus (baixo), Xande Tamietti (bateria) e Lulu Camargo (teclados), houve a participação de artistas do teatro de bonecos Giramundo, de Belo Horizonte.

Antes de curtir o clipe, só um lembrete: Fernanda é velha conhecida do blog. Ela e Aroldo, editor deste espaço, já conversaram algumas vezes. Uma destas conversas foi documentada pela Tv Câmara. Se alguém desejar saber mais do encontro Marinho-Takai, basta acessar:  pode //www.youtube.com/watch?v=ifVYNBWkTvU.

Creio que é tudo! Feliz natal! Feliz ano novo!


Harold

Pato Fú- Boas Festas



2 comentários:

Anônimo disse...

Caro Aroldo como0 vai!
Olha lhe desejo boas festas e um feliz Natal de muita paz amor em todos os povos e todas as naçãoes! E feliz ano novo para você e sua família!
Pode ficar tranquilo foi cancelada a greve dos Aéroviarios!Mande um grande abraço ao nosso famíliares e amigos Amapáenses valeu.
Celso.

Harold disse...

Obrigado por suas palavras Celso.
Tudo de bom!