Pesquisar este blog

26 junho 2011

Super Mario salva a Alemanha!

Segue abaixo texto postado no dia 04/06, originalmente, no blog Futebol Chucrute(www.futebolchucrute.blogspot.com/2011/06/super-mario-salva-alemanha.html). É a análise sobre o jogo Áustria e Alemanha, que aconteceu pelas eliminatórias da Eurocopa 2012. 

Pelo que cita o articulista, o jogo não foi lá muito fácil. Mas prevaleceu a maior experiência e categoria da equipe alemã.

Boa leitura!

Harold



Super Mario salva a Alemanha!

Mario Gomez herói do jogo manteve a Nationalelf 100%.
Foi muito mais difícil do que todos esperavam, mas no final vitória alemã. Horas antes do jogo uma boa notícia pintava na Nationalelf, o titular Sami Khedira voltava ao time após falhar o amistoso contra o Uruguai, com isso Simon Rolfes que fez uma partida bem discreta foi colocado no banco de reservas. Assim a Nationalelf foi a campo com a seguinte formação:
Neuer
Lahm - Friedrich - Hummels - Schmelzer
Khedira - Kroos
Müller - Özil - Podolski
Gomez

A partida começou com a Alemanha tendo total domínio do jogo, já que a Áustria se limitava apenas a tentar bloquear o setor de meio campo alemão, inclusive em alguns momentos com todos os seus jogadores no campo defensivo. A estratégia de defensiva deu certo e a Alemanha com mais posse de bola não conseguia abrir espaços no ferrolho austríaco, tanto que a primeira chance do foi da Áustria em uma cabeçada de Harnik após cobrança de falta de Fuchs.

A resposta alemã veio 7' em uma jogada de velocidade, Özil toca de primeira para Gomez que chuta mas o goleiro Gratzei com um leve desvio coloca para escanteio. Na cobrança de escanteio a defesa afasta e a bola sobra para Podolski que chuta com violência para o gol e a bola explode no travessão, diga-se de passagem a única boa aparição do Poldi que foi muito mal no jogo de hoje.
Gomez tem a chance fazer mas o goleiro coloca para escanteio.
A Alemanha sentiu o bom momento e quase abriu o placar com Gomez que aproveitou uma bobeira da defesa da Áustria tocou para o gol após passar pelo goleiro, a bola passou por entre as pernas de um zagueiro mas foi cortada antes de entrar no gol.

 Aos 13' e aos 23' a Alemanha chegou em duas cabeçadas uma de Gomez e outra de Hummels mas ambas não levaram perigo ao gol de Gratzei. A Áustria continuou com o seu anti jogo, inclusive abusando das faltas. Os donos da casa até tiveram uma oportunidade de fazer o gol após saída errada do gol de Neuer. Conforme o jogo ia passando a Alemanha foi perdendo a posse de bola e a Áustria foi gostando do jogo, principalmente nos contra ataques, e quase fez o seu gol. Aproveitando a falha pela esquerda alemã, Klein cruzou para a área onde encontrou Hoffer que após bela finta se livra da defesa e cara a cara com Neuer chuta para fora, foi por pouco.
O susto acordou a Nationalelf e 3 minutos depois o gol saiu, com ele Mario Gomez. Toni Kroos cobra escanteio a zaga austríaca se atrapalha toda e a bola acaba batendo em Mario Gomez, que desajeitado toca de canela para o fundo da rede.
Que fase! Agora a bola procura o artilheiro.
Fim do primeiro tempo, a Nationalelf teve um começo melhor mas deixou o adversário equilibrar o jogo. Na volta para o segundo tempo Mario Gomez faz uma bela jogada, aplicando um corte no defensor mas erra o chute ao chutar a bola longe do gol. A partir daí o jogo muda e a Áustria aposta cada vez mais nas jogadas de contra ataque pelos lados do campo e em uma dessas jogadas aos 50' Alaba do Hoffenheim cruza da direita para Harnik, mas Friedrich se antecipa e acaba marcando contra. Neuer batido nada pode fazer e a bola passa por debaixo do novo goleiro do Rekordmeister morrendo no fundo do gol.
Neuer nada pode fazer para evitar o gol.
O gol de empate fez a Alemanha partir para cima, mas agora a Áustria joga muito melhor do que no 1º tempo. Depois disso o jogo se resume a um futebol apático da Alemanha e a uma Áustria muito ligada no jogo explorando muito bem os contra ataques, principalmente com Alaba que foi o melhor jogador austríaco em campo.
David Alaba do Hoffenheim foi um pesadelo para a defesa alemã.
Com um meio campo estéril a Alemanha era presa fácil. Podolski estava muito mal tanto que foi substituído por Andre Schürrle. Mesut Özil fez mais uma daquelas partidas em que ele desaparece do jogo e Thomas Müller não conseguia acertar um cruzamento. A Áustri teve as melhores chances do segundo tempo com Kulovits, chute na trave, e Harnik. Jogi Löw até fez uma mudança adiantado Hummels para volante e colocando Badstuber no lugar de Khedira. No meu entendimento foi um erro porque o problema alemão erra na verdade a falta de criatividade no meio campo e não a marcação. Uma prova disso foi o segundo tempo que o Mario Gomez fez, quase não pegando na bola e não tendo nenhuma chance clara de marcar.

Não tinha tido nenhuma chance de marcar melhor dizendo, porque quando o jogo parecia caminhar para o empate a Alemanha ganhou um escanteio em um chute de Schürrle. Na cobrança a defesa austríaca afasta a bola, o rebote na ponta direita sobra para Özil que percebe a aproximação de Lahm e toca para ele. O Spielführer cruza a bola na área, Mario Gomez se antecipa ao defensor e testa com força para o gol sem chance de defesa para o goleiro Gratzei, 2 a 1 para a Alemanha 100% de aproveitamento nas eliminatórias para a Euro 2012.
Tor!!! Gomez salva a Alemanha no fim.
Analisando o jogo a Áustria mostrou muito mais do que se esperava dela, fazendo uma ótima partida. Mas não posso dizer o quanto foi horrível o segundo tempo da Alemanha, o trio do meio campo esteve irreconhecível e faltou um pouco de percepção do Jogi que poderia tentar algo diferente com Götze. Gostei muito da partida do Hummels muito seguro na defesa, acredito que ele vai ser titular na Euro resta saber ao lado de quem: Friedrich ou Mertesacker? Schmelzer fez mais uma partida discreta e falhou algumas vezes na cobertura, espero que jogue melhor contra o Azerbaijão. Agora o destaque não poderia ser outro senão Mario Gomez.

O atacante do Bayern vem fazendo a diferença na Nationalelf e parece que agora realmente se firmou como grande artilheiro que é. Do jeito que ele vem jogando não há como deixar ele de fora do time, e na minha opinião ele tem sido mais importante que o Klose no ataque. Acho difícil o Klose se manter como titular caso ele não jogue com maior frequência na Bundesliga e se o Gomez continuar jogando desta forma. Sempre achei injustas as critícas feitas ao Super Mario e fico muito contente ao vê-lo decidindo partidas.
Inclusive essa má fase dele começou a mais ou menos 3 anos atrás e foi em um jogo contra a Áustria que chegou ao seu ápice, na Euro 2008, quando perdeu um gol incrível:
video

http://www.youtube.com/watch?v=tG3vahy6nMk


Com esse resultado e o empate entre Bélgica e Turquia, a Nationalelf caminha a passos largos para a Euro 2012 e quem saber ganhar o seu quarto título europeu.

Gols da partida:
video

http://www.youtube.com/watch?v=igLpNTo00l0


Classificação:

Nenhum comentário: