Pesquisar este blog

04 julho 2014

A força da tradição

A Copa do Mundo segue adiante. Mais um mata-mata aconteceu e a tradição venceu. A Alemanha passou pela França com gol de Hummels (em foto extraída do blogdojuca.uol.com.br), aos 13 minutos do tempo inicial. No Maracanã lotado, a seleção alemã jogou seu futebol solidário, de muitos toques, apostando que, em algum momento, a equipe adversária deixaria espaços para o contra-ataque. Não foi bem assim. O adversário foi ao ataque. Mas não mostrou a organização necessária para ameaçar a meta defendida por Neuer, o sempre genial Neuer.

Apesar do futebol de toques, a vitória alemã foi conseguida com um gol de bola parada. Falta marcada, Kroos, em vez de bater direto para o gol, cruzou na área. Lá estava seu companheiro Hummels, que não teve dificuldade para marcar. Festa germânica!

O segundo tempo foi previsível. A equipe francesa se lançou à frente na busca do gol do empate. Mas sempre falhava nas finalizações. Apesar de ter a posse de bola com frequência, não criou situações que, de fato, ameaçassem a vitória alemã. O mesmo não pode ser escrito da Alemanha. Cada ida ao ataque levava os franceses à loucura. Fim de jogo! Placar merecido.

Para os franceses, momentos de dizer au revoir. Quanto aos alemães, aguardam o fim do jogo Brasil X Colômbia para saber qual será o adversário da próxima frase. Que seja outro belo jogo!

Aroldo José Marinho

Nenhum comentário: