Pesquisar este blog

02 julho 2011

Irmã Dulce: uma biografia

A Irmã Dulce (foto) foi batizada  Maria Rita de Sousa Brito Lopes Pontes, baiana de Salvador, nasceu em 26/06/1914, numa família de classe média. Filha de um professor universitário e dentista, sempre foi uma pessoa piedosa e devotada a santo Antônio.

Ingressou na Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição (SMIC), em 1932. Devotada à caridade, começou sua obra ocupando um barracão abandonado para abrigar mendigos.  Uma das suas mais notáveis iniciativa é o hospital Santo Antônio, com  capacidade para atender setecentos pacientes e duzentos casos ambulatoriais. Outra é o Centro Educacional Santo Antônio (CESA), que recebe mais de trezentas crianças de 3 a 17 anos. No CESA, os jovens têm acesso a cursos profissionalizantes.

A saúde frágil nunca lhe impediu de levar seu apostolado adiante. Porém, em 1990, os problemas respiratórios foram os responsáveis pela internação da freira. Na condição de enferma recebeu, em 20/10/91, a visita do papa João Paulo II.
 
Sua partida para a eternidade aconteceu, ao 77 anos, no dia 13/03/92. Seu corpo foi sepultado no alto do Santo Cristo, na Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia e depois transferido para a Capela do Hospital Santo Antônio, centro das Obras Assistenciais Irmã Dulce.

Como atitude de respeito, segue a  oração oficial dedicada à venerada Dulce dos Pobres!

Aroldo José Marinho

ORAÇÃO À IRMÃ DULCE
Senhor Nosso Deus.
Recordando a vossa serva Dulce Lopes Pontes, ardente de amor por vós
e pelos irmãos, nós vos agradecemos pelo seu serviço a favor dos pobres e dos excluídos.
Renovai-nos na fé e na caridade. E concedei-nos a seu exemplo
vivermos a comunhão, com simplicidade e humildade, guiados pela doçura do Espírito de Cristo.
Bendito nos séculos dos séculos. Amém.

Nenhum comentário: