Pesquisar este blog

22 maio 2009

Nota de falecimento

A notícia que segue abaixo foi divulgada no site Uol. (www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u569858.shtml), do jornal Folha de São Paulo. Sem dúvida, a música brasileira perde um grande talento. Mas o andar superior da existência ganha um grande reforço na área musical.
Leiam a notícia.
Harold


2/05/2009 - 07h52

Morre o músico Zé Rodrix, aos 61 anos, em São Paulo

da Folha Online

O cantor e compositor Zé Rodrix, 61, morreu na madrugada desta sexta-feira (22), em São Paulo. O músico deixa mulher, seis filhos e dois netos.

Drika Bourquim/Divulgação
Zé Rodrix ganhou destaque na música durante a década de 70, ao lado de Sá e Guarabyra
Zé Rodrix ganhou destaque na música durante a década de 70, ao lado de Sá e Guarabyra.

De acordo com informações do "Bom Dia São Paulo", o músico se sentiu mal e foi levado às pressas ao Hospital das Clínicas, onde morreu.

A assessoria de imprensa do hospital afirma que o músico deu entrada às 0h30 e morreu às 0h45. A causa da morte ainda não foi informada.

Rodrix, cujo nome de batismo é José Rodrigues Trindade, apareceu para o grande público em 1967, em um festival da Record.

Sua carreira ganhou destaque nos anos 70, quando trabalhou com o grupo Som Imaginário --banda criada para acompanhar uma turnê de Milton Nascimento-- e ao lado dos músicos Sá e Guarabyra. O trio se transformou em ícone do chamado "rock rural".

Entre as canções mais famosas de Zé Rodrix estão "Casa no Campo", famosa na voz de Elis Regina, "Mestre Jonas" e "Soy Latino Americano".

Nas décadas de 80 e 90, Rodrix abandonou a carreira musical para se dedicar à publicidade.

Em 2001, voltou a se reunir com os companheiros Sá e Guarabira para uma apresentação do "Rock in Rio". No mesmo ano, o trio lançou um DVD ao vivo, reunindo seus maiores sucessos: "Sá, Rodrix & Guarabyra: Outra Vez Na Estrada - Ao Vivo".





2 comentários:

Flor-de-Lis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Roséli disse...

Lamentável essa perda, realmente ...
Um grande talento, esse compositor que se foi ainda tão jovem, aos 61 ....
Mas, acredito que cada um teu seu tempo por aqui ... penso que se partimos cedo é por que já cumprimos a tarefa .. o Zé embalou com suas canções toda uma geração que exigia e FEZ mudanças efetivas e positivas ....
..............

Fique em paz, Zé ....